Bon Bini a Curaçao!

Por onde começar? As fotos de Curaçao já falam por si. Então, vamos deixar tudo bem resumido: é um paraíso com pequenas praias de águas azuis e cristalinas, com muitos corais e praticamente nenhuma construção que estrague essa paisagem maravilhosa.
Que tal agora algumas dicas pra que você aproveite tudo que Curaçao tem a oferecer?
Vem com a gente!

Antes de tudo algumas informações úteis

Para os ansiosos como eu, que não tem paciência de esperar até o fim do post pra um resumo, seguem algumas informações práticas:

  • Brasileiros não precisam de visto;
  • É bom estar com a vacina de febre amarela em dia;
  • Dólar americano circula livremente;
  • Dê gorjeta em táxi, no hotel, para quem carrega sua mala e nos restaurantes;
  • Os principais cartões de crédito são bem aceitos na ilha;
  • Pra gastar com comida, reserve cerca de US$ 100,00 a US$ 200,00 por dia por casal;
  • Ah, e tem sol o ano inteiro 🙂

Para mais detalhes, veja: www.curacao.com/pthttps://quantocustaviajar.com/

Andando por lá

Alugue um carro! Sim, a ilha é grande e pra poder explorar todas as praias, a melhor saída é alugar um carro. Se você ficar de um lado da ilha (ponto A na foto abaixo), terá que rodar cerca de 50 minutos pra chegar até o ponto B, por exemplo. Mas aí você me fala: Não dirijo, não quero alugar carro e agora?? Calma, há ônibus, porém escassos, vans e táxis (esses últimos são mais caros). Dá pra se virar, mas não com tanta tranquilidade como se você estivesse de carro.

curacao1
Fonte: Google Maps

Hospedagem

A maioria dos resorts em Curaçao não são all-inclusive. Nas pesquisas achei apenas um: Sunscape Curaçao Resort, Spa & Casino (www.sunscaperesorts.com/curacao). Se quiser ficar longe da agitação e preferir mais sossego fique no Hotel Kura Hulanda Lodge & Beach Club (www.kurahulanda.com/en/kura-hulanda-lodge-a-beach-club), se preferir ficar mais no centro, você pode escolher o Renaissance (www.marriott.com/hotels/hotel-deals/curbr-renaissance-curacao-resort-and-casino).

Bem, vamos ao que interessa: praias e mais praias. É disso que estamos à procura quando vamos ao Caribe, certo?

Kenepa Pequena

Pequena e sem estrutura. Mas precisa de alguma estrutura com esse visual?

 

curacao3
Kenepa Pequena – Fonte: Arquivo Pessoal
curacao2
Kenepa Pequena – Fonte: Arquivo Pessoal

 

Cas Abão

Tem estacionamento pago (US$ 5,00 por carro), espreguiçadeiras (US$ 3,50 cada), lanchonetes e banheiros. É considerada uma das praias mais lindas da ilha. Mar tranquilo e azul, arborizada. Melhor ir de carro, pois o ônibus passa longe da praia. 

 

curacao4

curacao5

 

Playa Porto Marie

Água cristalina, muitas árvores e boa estrutura. Paga-se para entrar e também para usar as espreguiçadeiras. Ótimo lugar para praticar snorkel. É permitido trazer a própria bebida e alimentação, o que é ótimo pra quem vai com família ou com crianças.

 

Klein Little Curaçao

Ilha a 1h30 de barco do Fishermen’s Pier. Informe-se no hotel ou acesse: www.mermaidboattrips.com. Os pacotes com os barcos incluem café da manhã, almoço e café da tarde. Não deixe de ir, vale muito a pena, inclusive pra praticar snorkel.

 

Kenepa Beach

Sem estrutura, mas vale a pena conhecer pelo tom de azul do mar. É bom levar alguns lanches e bebidas.

Mambo Beach (Praia do Seaquarium)

É uma praia artificial com bares e restaurantes com música. Ali você pode também alugar espreguiçadeiras e tendas. À noite os bares se transformam em clubes. Em um dia, você consegue combinar, o aquário, o mergulho e a interação com golfinhos.

Praia Jan Thiel

Praia artificial. Paga-se para entrar. Tem bons restaurantes. Lugar mais para solteiros.

O que mais tem por lá?

Passe um dia em Punda. A Ponte Flutuante Queen Emma faz a ligação entre Punda e Otrobanda, ou seja, divide o centro de Curaçao. É uma área cercada de lojinhas e restaurantes. À noite, a ponte fica iluminada.

Conheça o mercado flutuante e de lá visite a Sinagoga Mikvé Israel-Emanuel, a mais antiga das Américas. O chão é de areia. Há também o bairro Scharloo onde comerciantes judeus ricos construíram belíssimos casarões que hoje são usados como sede de empresas.

Depois, você pode almoçar no velho mercado Marshe Bieu para experimentar a cozinha local (que é uma mistura de Caribe com Indonésia).

E pra fechar, um happy hour num dos bares à beira-canal.

curacao12
Mercado Flutuante – Fonte: Arquivo Pessoal
Além de ser um lindo lugar, Curaçao ainda tem um povo muito simpático! É um passeio que agrada quem vai com família e filhos, em casal ou com amigos!

Eu gostaria de acabar o post com a frase “Divirta-se e volte sempre” em papiamento, a língua falada na ilha, mas preferi não arriscar com sites de tradução.

Então, termino com esse lindo pôr-do-sol! Bjs!

curacao13

 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s