As águas azuis e cristalinas de Arraial do Cabo

Gente! Arraial do Cabo estava ainda mais linda dessa vez!

As águas não estavam tão frias huhuhu, o tempo estava ótimo (por ótimo entenda-se calor de 30 graus rsrsrs) e com bastante vento. E pensem em uma água limpinha e transparente!

Enfim, foi tudo lindo!

Vamos contar dia a dia o que fizemos. Em poucos dias dá pra conhecer bastante coisa por lá.

1º Dia

Como chegamos um pouco antes do horário combinado para pegar a chave do apartamento em que iríamos ficar, fomos até o Mirante do Pontal do Atalaia para tirar umas fotos. O melhor horário para visitá-lo é no pôr-do-sol, mas não conseguimos esperar! Ficamos ali um pouco e depois fomos deixar nossas coisas na cobertura que alugamos na Prainha. Preferimos ficar em um apartamento dessa vez para ficarmos mais à vontade, e sem dúvida, foi uma ótima escolha. A mobília é simples, mas o espaço é ótimo e totalmente equipado com utensílios de cozinha, tv tela plana e churrasqueira no piso superior. Acabamos nem usando a churrasqueira…Mas pra quem usa, é ótimo.

Depois fomos passar a tarde na Prainha. Essa é a praia que você vê da estrada logo que chega a Arraial do Cabo. Estava muito vento, o que foi ótimo, pois o calor era demais.

704
Prainha – Fonte: Viaje Caju

A Prainha tem ondas, mas nada muito perigoso. É bem cheia talvez por causa da facilidade de chegar até ali. A água é azul e dessa vez estava muito boa, não gelada como costuma ser nessa região. Há vários quiosques que além da refeição oferecem cadeira e guarda-sol. Nós trouxemos o nosso, mas não valeu a pena, pois o vento estava muito forte e o guarda-sol não parava no lugar. Dica: melhor alugar!

Nesse mesmo dia fomos ver o pôr-do-sol no Mirante do Pontal do Atalaia. Anota aí: esse passeio é imperdível! Dá uma olhadinha aí!

775
Por-do-sol no Mirante do Pontal do Atalaia – Fonte: Viaje Caju

Para o jantar, fomos no Julia’s Crepes. O local é bem disputado, chegou a ter fila de espera. Nós não pegamos pois chegamos mais cedo. Recomendamos os sanduíches, pois os crepes estavam um pouco pesados demais para o nosso gosto. Os crepes doces são mais gostosos!

2º Dia

Reservamos esse dia para o passeio de barco que passa pelos seguintes lugares: Ilha do Farol, Praia do Farol, Gruta Azul, Praia do Forno e Prainha do Pontal do Atalaia.

Esse passeio sai da Praia dos Anjos e custa 70 reais por pessoa. Mas se chorar sai por 50. O melhor é tentar sair cedo. Nós pegamos o horário quase que do meio-dia, então quando chegamos à Praia do Farol, não pudemos parar pois já tinha muitos barcos lá. Para parar nessa praia é preciso uma autorização da marinha, então, o acesso é limitado. Como não deu pra parar nessa praia, paramos somente na Ilha do Farol. A água estava cristalina. Ah é super raso! Não tem perigo nenhum, mesmo que você não saiba nadar.

 

DCIM100MEDIA
Ilha do Farol – Fonte: Viaje Caju

Ainda sobre o passeio de barco, tivemos uma surpresa maravilhosa. Enquanto a gente tava indo para uma outra parada, encontramos no caminho um grupo de golfinhos que ficou seguindo o nosso barco um tempão!

golfinhos
Golfinhos em Arraial do Cabo – Fonte: Viaje Caju

Lindo demais!!

Depois disso paramos na Gruta Azul só pra tirar fotos. Tinha muitas águas vivas por lá. Apesar de não poder pular, coloquei a mão na água e sério: nunca vi uma água tão gelada em toda a minha vida! Aí as outras duas paradas foram na Praia do Forno e na Praia mais maravilhosa de todas (na minha opinião) a Prainha do Pontal do Atalaia.

931
Praia do Forno – Fonte: Viaje Caju

 

Aí, como amamos por-do-sol, nesse dia fomos vê-lo na Praia Grande. Foi lindo!

968
Praia Grande – Fonte: Viaje Caju
973
Praia Grande – Fonte: Viaje Caju

Detalhe: essa água estava extremamente gelada. Não consegui nem molhar o pé…rsrs!! Mas foi lindo! Depois disso fomos jantar no Point Calamares, um quiosque que fica na Praia Grande. Super recomendo! O atendimento é excelente e a comida também. Experimente o Trio Calamares (isca de peixe, camarão e lula à doré). Ah, e tem música ao vivo também!

3º dia

Esse foi o último dia de praia. Resolvemos ir novamente até a Prainha do Pontal do Atalaia. Dica: Se for de carro, saia cedo. Tivemos que desistir de ir de carro e voltamos até a Praia dos Anjos e pegamos um táxi-marítimo. Tinha trânsito para chegar até lá. Essa é a praia das escadas. É um passeio imperdível! A água tem um azul que dói os olhos. Como não levamos nada com a gente no barco, tivemos que alugar guarda-sol. Outra dica: chore o preço. Ficamos sabendo que tinha dias que eles estavam cobrando 150 reais a diária. Pagamos míseros 40 reais para 4 pessoas. Como é uma praia mais afastada, a alimentação é um pouco improvisada, mas tem de tudo, desde sanduíches, espetinhos de camarão, queijo coalho, sorvete. Aí vai do que cada um prefere comer. Agora dá uma olhada aí embaixo e vê se não é de doer!! Vale a pena cada segundo!!

1023
Prainha do Pontal do Atalaia – Fonte: Viaje Caju
DCIM100MEDIA
Águas transparentes na Prainha do Pontal do Atalia – Fonte: Viaje Caju

 

Mais dicas sobre Arraial:

  • tente ficar pelo menos de 3 a 4 dias lá.
  • na alta temporada, procure visitar a região durante a semana assim, as praias estarão mais vazias.
  • aproveite todo por-do-sol que você puder! 🙂

Gente, é isso. Se você tem alguma dúvida ou quer deixar aí seu comentário sobre sua visita a esse paraíso chamado Arraial do Cabo, escreve pra gente.

Bjs e até o próximo post!

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s